Notícias

Indicado por Ana Perugini, CCART é finalista do Prêmio Darcy Ribeiro

O Centro de Convivência, Aprendizagem, Reabilitação e Trabalho (CCART), de Hortolândia, está entre os dez finalistas do Prêmio Darcy Ribeiro 2017. A escolha dos quatro profissionais e das seis instituições que vão disputar a honraria, concedida anualmente pela Comissão de Educação da Câmara dos Deputados, foi feita na quinta-feira (29). Indicada pela deputada federal Ana Perugini, a ONG hortolandense atende pessoas com deficiência intelectual e é referência na Região Metropolitana de Campinas (RMC).

Com a escolha dos finalistas, o prêmio entra na fase final de seleção. Agora, os deputados da Comissão de Educação poderão conhecer melhor o trabalho desenvolvido pelos selecionados e, no dia 9 de agosto, haverá uma reunião para a escolha dos três vencedores. A votação será secreta e estão habilitados a votar os parlamentares titulares da comissão. Os suplentes só votam na ausência deles.

Os vencedores receberão diplomas de menção honrosa e medalhas com a efígie de Darcy Ribeiro, um dos maiores educadores e intelectuais que o Brasil já teve. A premiação está marcada para o dia 31 de outubro, no Salão Nobre da Câmara.

O Centro de Convivência e os outros nove finalistas foram escolhidos entre 41 indicados, sendo 16 profissionais e 25 instituições públicas e privadas, movimentos sociais e organizações não governamentais em 15 estados brasileiros. As indicações foram feitas por 40 deputados federais e três senadores, conforme prevê o regulamento do prêmio.

Fundado em 1999, o CCART surgiu por meio da organização de pais e professores do Centro Integrado Escola de Reabilitação (Cier), escola da rede municipal de Hortolândia, e se transformou em referência na região de Campinas. Focado no desenvolvimento do potencial dos alunos, o centro de convivência oferece oficinas e atividades em áreas como educação, cultura e esporte.

De acordo com a Secretaria da Comissão de Educação, o objetivo do prêmio é reconhecer pessoas e instituições cujos trabalhos merecem destaque especial na defesa e na promoção da educação no Brasil.

Notícia anterior

Ana Perugini destina R$ 3,7 milhões para obras de asfalto no interior paulista

Próxima notícia

Por mais escolas, Ana Perugini propõe mudanças na elaboração de projetos