Notícias

Ana Perugini participa da posse de dirigentes do PT em Rio Preto e Votuporanga

Uma roda de conversa sobre a economia do cuidado e a defesa das mulheres no Congresso Nacional, a análise do cenário político e econômico brasileiro e o debate das prioridades elencadas pela população, tendo como objetivo elevar o índice de qualidade de vida das comunidades do Interior. Esses são alguns dos temas que a deputada federal Ana Perugini vai colocar em discussão durante visita às cidades de São José do Rio Preto e Votuporanga, nesta sexta-feira (11) e no sábado (12).

Entre outros compromissos, a parlamentar participa também da posse dos novos coordenadores das macros regionais Rio Preto e Noroeste do Partido dos Trabalhadores. “Colaborar na formação de lideranças comunitárias e políticas em todas as regiões do Estado é trabalhar pelo avanço e consolidação da democracia no Estado e no país”, assegura a deputada, que é coordenadora nacional da Frente Parlamentar Mista (formada por deputados e senadores) em Defesa dos Direitos Humanos das Mulheres.

Como primeiro compromisso, Ana Perugini participa da posse de Luciano Bitencourt, reeleito coordenador da Macro Rio Preto do PT, evento a ser realizado na Avenida Promissão, 472, no Eldorado, a partir das 19h. A região é constituída por 54 municípios, cuja economia está voltada à agricultura e que necessita de mais investimentos na área educacional para a geração de empregos. “Nossa luta é pela implantação de uma universidade federal”, frisa Bitencourt.

Uma universidade pública, a construção de moradias populares e obras de infraestrutura são algumas das reivindicações da Macro Noroeste, formada por 52 cidades, salienta Antonio Carlos Nogueira, o Cacaio, também reeleito coordenador para um mandato de dois anos à frente da regional. A posse de Cacaio acontece a partir das 9h do sábado, à Rua Minas Gerais, 3.692, em Votuporanga.

Logo em seguida, a deputada tem encontro com um grupo de mulheres líderes da comunidade regional. “Temos a expectativa de trocar informações e conhecimento com a Ana, que é uma pessoa de grande sensibilidade social e conhece a luta das mulheres em todo o país. Com certeza, teremos a oportunidade de avançar na análise do cenário nacional, que pede atenção de todos os segmentos sociais pela preservação dos direitos humanos e das mulheres”, acentua Rosa Chiquetto, presidente do PT de Votuporanga.

ECONOMIA DO CUIDADO

No início de junho, a deputada Ana Perugini apresentou à na Câmara Federal o projeto de lei 7.815/2017, que prevê a inclusão da economia do cuidado, constituída pelos afazeres domésticos e os cuidados com crianças, idosos, enfermos e pessoas com deficiência, no cálculo anual do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro.

O projeto, que tem recebido apoio de vereadores em várias partes do Estado, atribui ao Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) a responsabilidade pela mensuração das atividades, para a criação de parâmetros que permitam ao governo federal a implementação de políticas públicas de valorização das mulheres.

“Embora a discriminação da mulher seja menos intensa nos dias de hoje, parte da desvalorização do papel feminino deriva da não contabilização desses afazeres no PIB. Desconhecê-los reforça o conceito de invisibilidade, que caracteriza o trabalho doméstico e a inferioridade do papel da mulher na sociedade. Mostrar o quanto eles valem e contribuem para o bem-estar familiar e do país talvez ajude a reduzir essa discriminação”, afirmou Ana, na justificativa do projeto.

Notícia anterior

Com parecer de Ana Perugini, PL que obriga agressor a pagar aposentadoria de vítima avança na Câmara

Próxima notícia

Ana Perugini se reúne com Angelo Perugini para tratar de emenda de R$ 2,5 milhões para reforma do Hospital Mário Covas